carteira de trabalho digital

Com o passar dos anos a tecnologia evoluiu muito e muitos órgãos aproveitam dessa evolução para usa-la ao seu favor, como por exemplo a Carteira de Trabalho Digital.

Pensando nisso, o Ministério do Trabalho e Emprego criou a Carteira de Trabalho Digital. O que só foi possível com a integração do sistema de validação e informação do PIS.

O intuito do documento é reduzir o tempo de emissão do documento para no máximo 20 minutos e entregar ao seu usuário no momento da sua requisição, pois antigamente demorava muito tempo para que a CTPS do empregado ficasse pronta.

Com base nisso, iremos analisar como funciona essa Carteira digital, quais seus benefícios, como emiti-la e muito mais.

COMO FUNCIONA A CARTEIRA DE TRABALHO DIGITAL?

Após a integração do sistema do Governo federal, todas as informações dos trabalhadores sejam em âmbito trabalhista ou previdenciário são facilmente cruzadas e acessadas.

O que permite ao brasileiro o agendamento ou o requerimento dos seus documentos de maneira eletrônica.

Além de que é extremamente útil, pois o trabalhador não precisa ir atrás de todas as empresas pelas quais já passou prestando seus serviços, já que esses dados ficam gravados no seu histórico.

Esse novo sistema acaba permitindo que o trabalhador valide os documentos e benefícios sociais que recebe, gerando rapidez, eficácia e segurança, pois é mais fácil de evitar fraudes e irregularidades trabalhistas tanto para o trabalhador quanto para o Governo.

Lembrando que a Carteira de Trabalho Digital é totalmente gratuito. O trabalhador nada pagará por ele. Porém, quem já possui a Carteira de Trabalho convencional não precisa solicitar a carteira de trabalhado digital, já que a convencional é válida.

O pedido da Carteira de Trabalho Digital só ocorrerá na primeira emissão ou para retirada da segunda via.carteira de trabalho digital

 

COMO EMITIR A CARTEIRA DE TRABALHO DIGITAL?

A emissão da carteira de trabalho digital ainda não é realizada pelo próprio site do Ministério do Trabalho e emprego.

O trabalhador deve se dirigir até o MTE mais perto de sua residência, e pedir pessoalmente a emissão do documento com algum servidor do local, visto que apesar de algumas promessas de o procedimento um dia poder ser feito online, ainda não há previsão para o mesmo.

Você pode saber o telefone e endereço do Ministério mais perto da sua casa aqui: Telefone do Ministério do Trabalho – MTE

Caso você deseje agendar seu atendimento para tirar, você pode fazer através deste guia: http://www.saibaseusdireitos.org/saa-mte-gov-br-agendamento-seguro-desemprego/

O trabalhador não precisa levar foto, tudo é feito no próprio local.

QUAIS OS BENEFÍCIOS E VANTAGENS?

 Alguns benefícios são latentes quando se fala na carteira de trabalho digital, como por exemplo:

  • Praticidade: exclusivo para o trabalhador que não possui tempo a perder. A sua emissão é rápida, apenas é necessário tirar uma foto digital e em no máximo 20 minutos de espera sua carteira de trabalho estará pronta.
  • Investimento: a carteira de trabalhador digital é gratuita, inclusive sua 2º via além de ser feita na hora. O investimento acaba sendo financeiro e temporal. E para tirar sua foto, a mesma é produzida digitalmente também, ou seja, não precisará pagar para tirar uma foto 3×4 como era feito no passado.
  • Comodidade: A única coisa que o trabalhador precisa é de um computador com acesso à internet. Além de que em relação a emissão de 2º via, para requere-la no passado era necessário entrar em contato com todas as empresas onde trabalhou e pedir colaboração para confirmar os dados informados.
  • Segurança: Todos os dados e informações do trabalhador estão em seu histórico no sistema do Ministério. Então, foi assaltado? Perdeu o documento? Não tem nenhum problema. É só solicitar novamente sua CTPS.

Por isso não perca tempo, tire a sua carteira digital o mais rápido possível usufrua de todos os benefícios de forma gratuita, basta seguir os passos acima.

MODELO

Carteira de trabalho digital

A carteira de trabalho digital é diferente da convencional. Sua composição gráfica possui corres diversificadas, além de possuir itens de segurança, o que facilitam a vida do Ministério do Trabalho que automaticamente cruza as informações recebidas com outros bancos de dados para analisar sua veracidade.

Os itens de segurança são; número, série, código de barras, cruzamento de dados e etc. E seu sistema de emissão foi a parte que mais sofreu modificações.

E caso o trabalhador que solicitou a CTPS digital seja estrangeiro, sua carteira virá com uma cor diferente, mas a estrutura continuará igual à do brasileiro. Já que ultimamente, muitos são os estrangeiros que solicitam ao MTE uma carteira de trabalho.

É PRECISO TROCAR A ANTIGA CARTEIRA PELA NOVA CARTEIRA DE TRABALHO DIGITAL?

Não é preciso trocar sua antiga carteira de trabalho pela digital, pois como dito lá em cima, a mesma ainda é válida.

Porém, se essa for a primeira emissão da sua CTPS, ou você precise de uma 2º via é só entrar no sistema e requerer a impressão da carteira digital.

Gostaram do texto? Ficou alguma dúvida?

É só mandar sua pergunta para a nossa equipe pelos comentários abaixo ou por e-mail, que será respondido o mais breve possível.

Compartilhar com amigos:

Leia também:

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

Postar Comentário