pasep guia completo fundo verde

Um programa do Governo Federal, criado em meados de 1970, o PASEP (Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público) serve como uma gratificação ao trabalhador.

Veremos a seguir todas as informações acerca desse tema tão procurado pelos servidores públicos.

O QUE É O PASEP?

Quem nunca quis uma renda extra para a realização daquele sonho pensado há algum tempo? O PASEP é aquele incentivo feito antes mesmo do dinheiro estar em mãos. O Governo criou o PASEP em busca de uma melhor distribuição de renda aos seus trabalhadores (assim como por exemplo; o seguro-desemprego, o abono salarial e etc,.)

Muito confundido com o PIS (outro programa federal, mas que não explicaremos agora), as pessoas acabam achando que se trata de um programa só, mas não é, apesar de todas as semelhanças eles são voltados para categorias de trabalhadores diferentes.

O PASEP é exclusivamente direcionado aos servidores públicos, onde os trabalhadores recebem por ano o valor de 1 salário mínimo vigente. Esse valor é pago geralmente pelo mês de julho e é uma gratificação intransferível.

QUEM PODE RECEBER O PASEP?

Para a concessão do benefício o trabalhador devia seguir várias regrinhas no calendário antigo:

A primeira delas é que tem que estar cadastrado há no mínimo 5 anos no programa (o cadastro é feito na primeira admissão do empregado, ou seja, no seu primeiro emprego e uma única vez).

Segunda regra é que o seu salário mensal deve ser no máximo 2 salários mínimos.

Terceira regra, seus dados devem estar informados e atualizados no RAIS (Relação Anual de Informações Sociais).

Quarta regra é que o trabalhador deve ter trabalhado no mínimo 30 dias no ano anterior ao vigente.

Quinta e última regra, ter trabalhado com carteira assinada pelo menos 1 mês do ano-base.

No novo calendário de 2017, a concessão do benefício é proporcional ao tempo de serviço, e só irá recebe-lo de forma integral se tiver trabalhado durante o ano-base o correspondente a 12 meses.

pagamento do pasep online

PAGAMENTO E SAQUE 

Essa gratificação é pega pelo Banco do Brasil (banco que é encarregado de todas as verbas pagas aos servidores públicos), e a conta pode ser tanto poupança como conta corrente, sendo creditado diretamente na conta, mas caso não deseje receber mediante depósito, poderá ser recebido o crédito por meio da folha de pagamento.

Na hora do recebimento por meio do Banco do Brasil é só ir até sua agência, apresentar documento com foto e o número do PASEP.

Se você não souber o número do PASEP é só entrar no site do CNIS (Cadastro Nacional de Informações Sociais) e procurar o DATAPREV, preencher algumas informações e através do NIT, obter o número do PASEP.

O número do PASEP pode ser visualizado tanto pelo aplicativo do Banco do Brasil ou pelo site http://www.bb.com.br/pbb/pagina-inicial#/.

E o saque pode ser realizado mediante disponibilização do Governo Federal ao calendário de pagamento, é só acessar e verificar a data, em caso de qualquer dúvida acesse o site do Banco do Brasil, lá dá para conferir também.

O calendário funciona com o número de inscrição e possui sempre 11 dígitos, e são encontrados na própria carteira de trabalho.

E ah, não deixe a data do seu pagamento expirar, se isso acontecer, ele retornará ao Governo, ou seja, não é cumulativo, você simplesmente perderá sua gratificação, e o único jeito será esperar o ano seguinte.

COMO SABER QUAL O VALOR?

O valor pago pelo governo  para o PASEP é sempre baseado em um salário mínimo, não há, portanto, um valor exato devido ao aumento previsto em cada ano.   Ou seja, você deve somente observar o valor estabelecido naquele ano da concessão e assim por diante.

O intuito disso tudo é instigar, encorajar e estimular o servidor pelo trabalho exercido.

O novo calendário do PASEP 2017/2018 ficou assim:

Final do PASEP:

  • Podem sacar em: 27/07/2017
  • Podem sacar em: 17/08/2017
  • Podem sacar em: 14/09/2017
  • Podem sacar em: 19/10/2017
  • Podem sacar em: 17/11/2017
  • Podem sacar até: 18/01/2018
  • Podem sacar até: 22/02/2018
  • Podem sacar até: 22/02/2018
  • Podem sacar até: 15/03/2018
  • Podem sacar até: 15/03/2018

Já os valores de 2017 foram distribuídos dessa forma:

  • (30 a 44 dias): 74 reais
  • (45 a 74 dias): 147 reais
  • (75 a 104 dias): 220 reais
  • (105 a 134 dias): 294 reais
  • (135 a 164 dias): 367 reais
  • (165 a 194 dias): 440 reais
  • (195 a 224 dias): 514 reais
  • (225 a 254 dias): 587 reais
  • (255 a 284 dias): 660 reais
  • (285 a 314 dias): 734 reais
  • (315 a 344 dias): 807 reais
  • (345 a 365 dias): 880 reais

É isso aí, em caso de dúvidas sobre o PASEP vá em alguma de suas agências ou entre em contato com a central de atendimento do Banco do Brasil pelos telefones: 004 0001 ou 0800 729 0001.

Instituto pelo Governo, o Pasep faz parte dos vários benefícios federais existentes no país.

Você, servidor público, precisa conhecer o calendário 2018 e ficar por dentro de todas as datas concedidas para saque.

Já que, passado o prazo, os beneficiários não mais podem sacar o seu abono que corresponde a 1 salário mínimo vigente no país.

Fique de olho no texto e conheça as datas e peculiaridades sobre o tema.

REQUISITOS PARA O PASEP

Primeiro, para você falar de Pasep, deve pensar, eu me encaixo nos requisitos? Quais são eles?

Vamos lá! É preciso:

  • Que você seja um servidor público, inscrito no cadastro ativo do Pasep há pelo menos 5 anos. Abaixo desse tempo estipulado, não é possível pensar no benefício.
  • Concluído o primeiro requisito, vem o segundo; ter recebido no ano anterior o equivalente a no máximo 2 salários mínimos. Levando em conta R$ 937 reais, pois será seguido o ano de 2017.
  • Ter também trabalhado no ano anterior durante no mínimo 30 dias. Esses dias podem ser consecutivos ou não.

Realizado tudo isso é só lembrar que seus dados devem sempre estar atualizados no sistema RAIS (Relação Anual de Informações Socioeconômicas) do Ministério do Trabalho e Emprego.

Preencha todos os requisitos e tenha direito aquela renda extra ao final do ano. O seu 14º salário será bem-vindo.

Ah, para quem conhece o PIS, pode ver a semelhança entre os seus requisitos, só para não confundir, o PIS será destinado a quem trabalha para a iniciativa privada.

COMO É FEITA A SUA CONSULTA

A consulta é feita mediante o número do seu benefício. Com base nela analise as datas disponíveis no calendário e realize o saque.

Para consultar e saber se você tem direito ao PIS/PASEP 2018 é bastante simples.

Primeiramente deve-se entrar neste website se você deseja consultar o PIS: http://www.caixa.gov.br/beneficios-trabalhador/pis/cotaspis/Paginas/default.aspx

pasep

E por este site, se você deseja consultar o pasep: http://www.bb.com.br/pasep

consulta pasep

Em seguida é só seguir os passos indicados no próprio website, aonde informará se você tem direito ao Pis ou PASEP neste ano. Caso tenha, basta fazer sua retirada assim que estiver disponível.

Para saber quando, basta olhar pro calendário do PASEP 2018 em seguida.

calendário pasep 2018

CALENDÁRIO PASEP 2018

As datas do calendário de 2018 ficaram assim estabelecidas:

  1. Pasep com o final 0 – prazo: 27/07/2017 até 29/06/2018
  2. Pasep com o final 1 – prazo: 17/08/2017 até 29/06/2018
  3. Pasep com o final 2 – prazo: 14/09/2017 até 29/06/2018
  4. Pasep com o final 3 – prazo: 19/19/2017 até 29/06/2018
  5. Pasep com o final 4 – prazo: 17/11/2017 até 29/06/2018
  6. Pasep com o final 5 – prazo: 18/01/2018 até 29/06/2018
  7. Pasep com o final 6 e 7 – prazo: 22/02/2018 até 29/06/2018
  8. Pasep com o final 8 e 9 – prazo: 15/03/2018 até 29/06/2018

Fiquem atento aos prazos, pois passado a data limite o benefício não pode mais ser sacado, sendo assim, você deverá esperar o ano seguinte para ter direito novamente.

E em relação aos valores, eles são pagos de forma proporcional ao período trabalhado. A cada mês trabalhado corresponde a 1/12 avos de direito do recebimento do valor.

No caso dos valores recebidos agora em 2018, eles sofreram um ajuste que ocorre anualmente após o presidente sancionar o novo salário.

Por isso, nesse ano de 2018, o valor fixado será de R$ 954,00.

COMO DESCOBRIR O NÚMERO DO MEU PASEP

Se você se encaixou em todos os requisitos descritos acima, mas não sabe como olhar o número do seu Pasep para saber qual a data de início do saque do benefício, mantenha calma.

É bem simples, e vamos lhe ensinar agora.

Você deve entrar no site do CNIS – cadastro nacional de informações sociais ou clicar no link ao lado https://cnisnet.inss.gov.br/.

Ao acessar a página, procure no canto esquerdo a opção “inscrição” – “filado”.

Preencha então os dados pedidos: nome, nome da mãe, data de nascimento, número do CPF e o código da imagem de segurança. Ao final clique em “continuar”.

E siga novamente os dados pedidos.

Depois de tudo isso, vai aparecer na tela uma mensagem com o número do seu NIS (PIS/PASEP).

É com base no número de identificação do trabalhador que você saber qual a data correta para saque.

Se o número não aparecer, aí o mais aconselhável é ligar para o número 135 e obter informações.

pasep 2018

Caso você ainda tenha dúvida para saber qual o número do PIS, clique no link em azul.

COMO SACAR O BENEFÍCIO

Se encaixou em todos os requisitos, já sabe como é feita a consulta, qual a data de pagamento e o número do seu benefício, agora é só fazer o mais fácil, saca-lo.

Como o Pasep é administrado pelo Banco do Brasil, diferentemente do PIS que é pela Caixa Econômica Federal, ele apresenta 3 formas de realizar o pagamento.

Você pode receber o valor por meio do atendimento no banco, devendo levar consigo um documento original com foto, mais a sua carteira de trabalho. Esse atendimento é um pouco mais demorado e menos prático.

Se quiser um saque mais tranquilo é só optar pela opção de creditar na sua folha de salário. Isso funciona para os servidores de empresas que participam de convenio com o banco emissor do pagamento.

E por último, se possuir conta no BB é só pedir o crédito em conta corrente.

Mais fácil, impossível, não é?

Acerca de qualquer dúvida sobre esse benefício é só mandar sua pergunta nos comentários abaixo, ou enviar um e-mail diretamente para nossa equipe, preenchendo o formulário na aba de contato.

Já para saber do PIS 2018 atualizado, clique no link.

Se persistir a dúvida, nos mande sua pergunta por e-mail ou pelos comentários.

Compartilhar com amigos:

Leia também:

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

Postar Comentário