teto do INSS

O Instituto Nacional do Seguro Social é a autarquia responsável pelo pagamento dos benefícios previdenciários, ela também decide o teto do INSS 2018.

Como todos sabemos, anualmente, por conta das alterações relativas ao aumento do salário mínimo, muitas coisas também têm seus valores alterados, entre essas coisas que possuem mudança de valor, estão os benefícios da previdência e teto do INSS.

O teto INSS 2018 é fundamental para mostrar aos segurados com base em qual valor o seu benefício será elevado.

Para saber mais sobre o teto INSS e outras peculiaridades do Instituto, acompanhe o texto até o fim.

Teto do INSS 2018

A Previdência Social é responsável pelo Teto do INSS 2018

QUAL O TETO INSS 2018?

A ideia fundamental relativa ao teto do INSS 2018, é que nenhum segurado poderá receber nenhum centavo a mais daquele que é estabelecido pelo órgão no pagamento dos seus benefícios.

Já que, se alguém ganhar muito mais sobre aquilo que é estabelecido para o salário mínimo, a longo prazo, essa política poderia criar um grande gasto para a previdência, causando assim a sua falência.

É com base nesse motivo que a previdência tenta limitar seus gastos com base em um determinado valor.

O reajuste que é feito com base no salário, teve para o ano de 2018, um acréscimo de 2,07%, ficando firmado em R$ 5.645,80 (cinco mil, seiscentos e quarenta e cinco e oitenta centavos).

Para o ano de 2018, o valor máximo do Teto INSS estava estabelecido em R$ 5.579,06.

Pois bem, é possível analisar que esse é ótimo valor, mas como será que alguém pode receber o teto do Instituto?

Em regra, para que um aposentado possa receber mais de 5 mil reais mensalmente, ele deverá durante 80% da sua vida laboral contribuir com 11% do valor estipulado do teto.

Hoje em dia, de acordo com o teto estipulado, 11% do novo valor, fica em torno de R$ 621,00 por mês.

Com base nessa conta nada barata, você poderá ter grandes chances de se aposentar e receber essa bolada mensalmente.

Porém, com base em dados dos especialistas da área, mesmo que você trabalhe em grandes empresas e receba altos salários, ainda assim não é fácil receber na aposentadoria o valor do teto do INSS.

Teto INSS

Saiba tudo sobre o Teto INSS.

TABELA E CALENDÁRIO INSS

Para conseguir ser um segurado da previdência não é nada fácil, além de acompanhar o Teto do INSS 2018, é também necessário acompanhar a tabela e calendários da Previdência Social.

Você precisará realizar todo o processo de pedido do benefício, levar documentos para um dos postos de atendimento, ter os seus documentos analisados, assim como sua condição e características, para só então ter uma resposta sobre o seu pedido.

Se o pedido não for concedido pela via administrativa, também é possível que tente pela via judicial.

Pois bem, de qualquer das duas formas, após conseguir em definitivo o recebimento de um benefício é preciso que se fique de olho na tabela e calendário emitido todo ano pelo INSS.

Nessa tabela estão as datas em que o trabalhador poderá se deslocar ao banco responsável pelo seu pagamento e fazer o saque dos valores que possui direito.

A tabela fica dividida de duas formas. A primeira é designada para quem recebe benefícios de até 1 salário mínimo. Já a segunda parte, fica adstrito dos segurados que recebem mais de 1 salário mínimo. Por isso é importante que se saiba o Teto do INSS 2018.

Você poderá ter acesso a essa tabela entrando no site oficial do INSS através do link ao lado: www.inss.gov.br.

Fique sempre de olho na data referente ao seu pagamento, no calendário e no Teto do INSS.

QUAIS OS BENEFÍCIOS QUE SEGUEM A DATA DA TABELA DO INSS

Ao consultar a tabela INSS de 2018 saiba que não são todos os benefícios que seguem essa regra.

Se você recebe alguns dos benefícios elencados abaixo, então é necessário conferir a tabela:

  • Beneficiários do seguro desemprego;
  • Beneficiários da reabilitação profissional;
  • Beneficiários de auxílio doença ou acidentário;
  • Beneficiário do salário família;
  • Aposentado por invalidez;
  • Aposentado por tempo de serviço;
  • Trabalhadores que tem direito ao 13º salário e etc.

tabela pagamento INSS

TABELA DE CONTRIBUIÇÃO

Além do Teto do INSS, outra tabela fundamental que é emitida pelo INSS é a tabela de contribuição dos empregados, empregados domésticos e trabalhadores avulsos.

Isso mesmo, os empregados também devem seguir de forma correta o depósito das contribuições dos seus funcionários, ainda mais se eles se encaixarem em alguma das hipóteses do parágrafo anterior.

Dessa forma, é preciso verificar quanto o trabalhador ganha e qual será a alíquota que incidirá sobre o seu salário.

Se o salário de contribuição for até R$ 1.693,72 a alíquota de recolhimento incidirá em 8%.

Caso o salário seja de R$ 1.693,73 a R$ 2.822,90 a alíquota de recolhimento ficará designada em 9%.

E por fim, para os salários superior a R$ 2.822,91 até R$ 5.645,80 a alíquota será de 11%.

Se gostou das nossas dicas, não esqueça de compartilhar com os amigos. Em caso de dúvidas, deixe sua pergunta nos comentários abaixo.

A central de atendimento do INSS também está a sua inteira disposição para consultas sobre o Teto do INSS 2018. Para entrar em contato é só ligar para o número 135 e falar para o atendente o que desejas.

Compartilhar com amigos:

Leia também:

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

Postar Comentário