Advogado é preso em Curitiba por suspeita de venda de diplomas falsos

Um advogado foi preso em Curitiba, Paraná, nesta sexta-feira, sob a suspeita de vender diplomas falsos nas redes sociais. O profissional do direito é acusado de comercializar registros acadêmicos e certificados do ensino médio da rede pública estadual de ensino de forma fraudulenta. A prisão ocorreu após uma investigação que durou cerca de seis meses e contou com o apoio da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

Suspeito utilizava métodos online para oferecer serviço ilegal

O suspeito utilizava métodos online para oferecer o serviço ilegal de criação de históricos escolares falsos, atraindo a atenção das autoridades. Cinco ordens judiciais foram cumpridas em endereços ligados ao advogado, resultando na apreensão de registros universitários, carimbos de diversas instituições públicas de ensino, substâncias relacionadas ao aumento de massa muscular e uma réplica simulada de arma de fogo.

As investigações em andamento têm como objetivo identificar os beneficiários dos documentos falsificados e esclarecer todos os detalhes do caso. Até o momento, a defesa do advogado não se pronunciou publicamente, mantendo uma postura de anonimato em relação ao cliente envolvido na venda dos diplomas fraudulentos.

Este episódio levanta questões sobre a segurança e autenticidade dos documentos acadêmicos disponíveis online, bem como sobre a conduta ética e legal dos profissionais que se envolvem em atividades ilícitas. As autoridades seguem atentas para coibir práticas fraudulentas e garantir a integridade do sistema educacional e jurídico no país.

LocalCuritiba, Paraná
AcusaçãoComercialização de registros acadêmicos e diplomas falsos
DesdobramentosDetenção do suspeito, execução de cinco ordens judiciais, apreensão de registros universitários e carimbos, descoberta de substâncias para aumento de massa muscular e réplica de arma de fogo

Com informações do site G1.

Categorizado em: