Black Friday: como lidar com os problemas da pós-compra? Lista te ajuda a não errar

No ano de 2023, o evento promocional conhecido como Black Friday transcorreu de maneira tranquila, com um ritmo de vendas satisfatório. No entanto, os efeitos desse evento ainda são observados no cenário atual. Os consumidores estão agora preocupados com questões clássicas, como atrasos na entrega e produtos defeituosos.

A informação desempenha um papel crucial na superação desses obstáculos enfrentados pelos consumidores. Neste relatório, iremos discutir recomendações das agências de proteção ao consumidor, como o Procon e o Idec, sobre as medidas a serem tomadas em relação a esses problemas.

Atrasos na entrega

É importante salientar que os atrasos na entrega são considerados uma violação da oferta conforme estabelecido pelos artigos 30 e 35 do Código de Defesa do Consumidor (CDC). Os consumidores têm o direito de exigir determinadas opções por parte das lojas, como a entrega imediata do produto, a entrega de um produto equivalente caso aquele adquirido não esteja disponível no estoque ou o cancelamento da compra com reembolso completo do valor pago. É recomendado que os consumidores enviem sua solicitação por escrito para ter uma prova documental dessa comunicação.

Compras sem recibo do produto

No caso das compras realizadas sem recibo do produto, é possível denunciar empresas que não cumpram suas obrigações junto às agências de defesa dos direitos dos consumidores como o Idec e o Procon. A ausência de resposta adequada por parte da empresa pode levar à necessidade de entrar com uma ação judicial. Guardar todos os recibos de compra como evidência é essencial para fazer qualquer reclamação.

Produtos defeituosos

No caso de produtos defeituosos, se o defeito não foi revelado antes da compra, a loja ou fabricante deve se comprometer a repará-lo dentro de 30 dias. Caso esse prazo não seja cumprido, os consumidores têm três opções: a troca por um produto em perfeito estado de funcionamento, o reembolso total do valor pago ou a redução proporcional do preço. Produtos essenciais e defeituosos, como geladeiras ou fogões, não exigem que o consumidor espere 30 dias e podem ser imediatamente substituídos ou terem seu dinheiro reembolsado.

Política de devolução

A política de devolução das lojas só tem obrigação de aceitar devoluções se houver uma regulamentação específica sobre o assunto. Caso não haja defeito no produto, a loja tem um mês para solucionar qualquer problema antes de oferecer a substituição do produto, reembolso total ou redução do preço.

Fraude

Em casos de fraude, é primordial entrar em contato com o banco para suspender qualquer débito e reunir todas as provas necessárias para comprovar o golpe. Essas comprovações devem ser anexadas a um boletim de ocorrência policial. Além disso, é recomendável informar tanto ao Procon quanto ao Idec sobre o ocorrido. Quanto à recuperação do dinheiro perdido em casos de fraude, não há garantia de reembolso a menos que o cliente tenha adquirido um seguro contra fraudes.

Clareza nas informações e comunicações

Embora possam existir diferenças nos preços entre compras online e nas lojas físicas, é fundamental que as informações e comunicações fornecidas pelas lojas sejam claras e precisas. Caso contrário, os consumidores têm o direito de exigir o preço mais baixo oferecido.

Cancelamento de compras realizadas fora do estabelecimento comercial

No que diz respeito ao cancelamento de compras realizadas fora do estabelecimento comercial, como em compras online ou por catálogos, os consumidores têm o direito de desistir. Eles dispõem de um prazo de sete dias a partir da data de entrega para avaliar se o produto atende às especificações prometidas e têm direito a um reembolso sem custos adicionais.

A fim de se manter atualizado sobre notícias que afetam os mercados, investimentos e carteiras pessoais ao longo do dia, é recomendável se cadastrar para receber notícias por e-mail pela manhã cedo.

ProblemaRecomendação
Atrasos na entregaConsumidores têm direito a entrega imediata, produto equivalente ou cancelamento com reembolso
Compras sem reciboDenunciar empresas e guardar todos os recibos de compra como evidência
Produtos defeituososReparo em 30 dias, troca por produto em perfeito estado, reembolso total ou redução do preço
Política de devoluçãoLojas só têm obrigação de aceitar devoluções se houver regulamentação específica
FraudeEntrar em contato com o banco, fazer boletim de ocorrência e informar ao Procon e Idec
Diferenças de preçosConsumidores têm direito ao preço mais baixo oferecido
Cancelamento de compras fora do estabelecimentoConsumidores têm direito a desistir em até 7 dias e reembolso sem custos adicionais

Com informações do site InfoMoney.

Categorizado em: