Cultura: prazo para inscrição de projetos na Aldir Blanc termina em dezembro

No estado do Paraná, há grandes expectativas em relação ao recebimento dos recursos do Programa Nacional Aldir Blanc de Estímulo à Cultura, também conhecido como PNAB. Esses recursos serão destinados aos 399 municípios paranaenses, bem como ao estado, visando implementar iniciativas públicas que beneficiem diretamente os trabalhadores e entidades envolvidas no setor cultural.

O objetivo desse programa do governo federal é auxiliar na recuperação do setor cultural, que foi gravemente afetado pela pandemia de Covid-19. Para ter acesso a esses recursos, no entanto, os estados e municípios precisam se cadastrar até o dia 11 de dezembro.

Até o momento dessa reportagem, havia algumas cidades no Paraná que ainda não concluíram o processo de registro necessário para receberem os fundos. Thiago Rocha Leandro, diretor responsável pela Direção de Assistência Técnica para Estados, Distrito Federal e Municípios do Ministério da Cultura, ressalta a importância desses recursos para o setor cultural e enfatiza a necessidade de agilidade por parte das cidades.

É fundamental lembrar que esse programa federal tem como propósito fortalecer toda a economia relacionada à cultura no estado do Paraná. Os Planos de Ação apresentados pelos estados, municípios e Distrito Federal devem conter informações básicas e uma lista de objetivos e iniciativas para a execução desses recursos.

Todos esses planos serão avaliados pelo Ministério da Cultura antes da aprovação final. É possível acompanhar em tempo real o status de cada entidade participante através do painel de dados disponibilizado pelo PNAB, que é acessível clicando aqui.

Dessa forma, é de fundamental importância que as cidades paranaenses concluam o processo de registro no programa até a data limite estabelecida, a fim de garantir que os recursos sejam destinados corretamente e utilizados da melhor forma possível para beneficiar o setor cultural como um todo. Além disso, é crucial que as iniciativas apresentadas nos Planos de Ação sejam bem elaboradas, visando atender às necessidades e promover o desenvolvimento do setor cultural tanto no âmbito estadual quanto municipal.

Notícia
No estado do Paraná, há grandes expectativas em relação ao recebimento dos recursos do Programa Nacional Aldir Blanc de Estímulo à Cultura, também conhecido como PNAB. Esses recursos serão destinados aos 399 municípios paranaenses, bem como ao estado, visando implementar iniciativas públicas que beneficiem diretamente os trabalhadores e entidades envolvidas no setor cultural.
O objetivo desse programa do governo federal é auxiliar na recuperação do setor cultural, que foi gravemente afetado pela pandemia de Covid-19. Para ter acesso a esses recursos, no entanto, os estados e municípios precisam se cadastrar até o dia 11 de dezembro.
Até o momento dessa reportagem, havia algumas cidades no Paraná que ainda não concluíram o processo de registro necessário para receberem os fundos. Thiago Rocha Leandro, diretor responsável pela Direção de Assistência Técnica para Estados, Distrito Federal e Municípios do Ministério da Cultura, ressalta a importância desses recursos para o setor cultural e enfatiza a necessidade de agilidade por parte das cidades.
É fundamental lembrar que esse programa federal tem como propósito fortalecer toda a economia relacionada à cultura no estado do Paraná. Os Planos de Ação apresentados pelos estados, municípios e Distrito Federal devem conter informações básicas e uma lista de objetivos e iniciativas para a execução desses recursos.
Todos esses planos serão avaliados pelo Ministério da Cultura antes da aprovação final. É possível acompanhar em tempo real o status de cada entidade participante através do painel de dados disponibilizado pelo PNAB, que é acessível clicando aqui.
Dessa forma, é de fundamental importância que as cidades paranaenses concluam o processo de registro no programa até a data limite estabelecida, a fim de garantir que os recursos sejam destinados corretamente e utilizados da melhor forma possível para beneficiar o setor cultural como um todo. Além disso, é crucial que as iniciativas apresentadas nos Planos de Ação sejam bem elaboradas, visando atender às necessidades e promover o desenvolvimento do setor cultural tanto no âmbito estadual quanto municipal.

Com informações do site CBN Curitiba.

Categorizado em: