Suspeito de assassinato e desmembramento de jogador de futebol é capturado após dois meses foragido

No dia 16 de agosto, o indivíduo Danilo Alves Vieira, suspeito de cometer o assassinato e desmembramento do jogador de futebol Hugo Vinicius Skulny Pedrosa, foi capturado após ficar foragido por quase dois meses. O jovem estava escondido em Iguatemi, no estado de Mato Grosso do Sul, a menos de 100 km de Sete Quedas, onde ocorreu o crime. A ex-companheira do jogador também está sob custódia e é suspeita de estar envolvida no crime.

A Polícia Civil confirmou a captura e revelou que havia suspeitas de que Danilo tivesse fugido para o Paraguai. Diante disso, as forças policiais brasileiras e paraguaias se uniram em uma operação conjunta para localizar o suspeito.

As investigações apontaram que o assassinato ocorreu na residência da ex-companheira de Hugo, Rubia Joice de Oliver Luvisetto. O atleta desapareceu após participar de uma festa no Paraguai e seu corpo foi encontrado desmembrado nas margens do rio Iguatemi, em Sete Quedas.

O delegado responsável pelo caso informou que Hugo recebeu três tiros e seu corpo foi desmembrado em partes pequenas. Instrumentos foram utilizados na tentativa de ocultar o corpo do jogador.

Após uma intensa busca envolvendo as forças policiais civis e militares, bombeiros e a Delegacia Especializada na Repressão aos Crimes de Fronteira (Defron), os restos mortais foram encontrados no rio Iguatemi. A identificação foi feita com base em uma tatuagem no braço de Hugo que continha o nome de seu falecido pai.

Os restos mortais foram encaminhados ao Instituto Médico Legal (IML) para análise e ainda não foram liberados.

A captura do suspeito traz um alívio para a família e as autoridades que estavam em busca de respostas sobre o terrível crime. Agora, caberá ao sistema de justiça conduzir a investigação e garantir que os responsáveis por esse ato cruel sejam levados à justiça.

Esse caso chocante reforça a importância da atuação conjunta das instituições policiais na solução de crimes, assim como a relevância da colaboração da população no fornecimento de informações que possam auxiliar nas investigações. A comunidade em Iguatemi e Sete Quedas certamente está mais segura agora com a prisão do suspeito.

DataResumo
16 de agostoDanilo Alves Vieira, suspeito do assassinato e desmembramento do jogador Hugo Vinicius Skulny Pedrosa, é capturado após ficar foragido por quase dois meses.
LocalizaçãoIguatemi, Mato Grosso do Sul
Operação conjuntaForças policiais brasileiras e paraguaias se unem para localizar o suspeito.
Local do crimeResidência da ex-companheira de Hugo em Sete Quedas.
Detalhes do crimeHugo recebeu três tiros e seu corpo foi desmembrado. Instrumentos foram utilizados para ocultar o corpo.
Restos mortaisEncontrados no rio Iguatemi e encaminhados ao IML para análise.
ConsequênciasSuspeito capturado traz alívio para a família e as autoridades. Caso reforça a importância da atuação conjunta das instituições policiais.

Com informações do site G1.

Categorizado em: